Critérios de aceitação

Consulte a tabela de critérios de aceitação de artigos – para livros ou revistas – e descubra como preparar o artigo perfeito.

Como preparar seu artigo

A continuação, indicamos alguns dos requerimentos que devem cumprir todos os artigos que recebimos. Estas condições são imprescindíveis para que o Conselho Editorial das diversas revistas apoe seu envío aos avaliadores.

  • Os artigos devem ser aproximadamente de 5.000 a 8.000 palavras e deverão estar escritos como um relato de exposição contínua em forma de capítulo ou de artigo.
  • Só se aceitarão arquivos em formato editável tais como Microsoft Word ou Open Office. Não se aceitam manuscritos em formato PDF.
  • O vocabulário pode variar de acordo aos costumes do país, porém deve ser internamente coerente.
  • Os autores devem se asegurar da exatidão das visitas, diagramas, tabelas e mapas.
  • Os gráficos e as imagens devem ser nítidos e fáceis de visualizar. Não podemos melhorar a qualidade das imagens.
  • Se abster de incluir no artigo imagens ou gráficos irrelevantes. As imagens ou gráficos que os avaliadores considerem irrelevantes para a compreensão da narrativa por parte dos leitores serão eliminados. Se você deseja incorporar imagens ou gráficos que não incidem diretamente na narrativa do artigo, porém que você considera úteis para aprofundar a compreensão do mesmo, pode subir um (uns) documento(s) complementar(es).
  • As palavras chave são muito importantes para o posicionamento dos buscadores. Para obter uma melhor exposição de seu trabalho, por favor tenha certeza de que suas palavras chave são claras e precisas.
  • Não indique no manuscrito o nome dos autores, nem a instituição para a que trabalham, nem suas biografias.
  • Os gráficos e as imagens devem ser nítidos e fáceis de ver. Não podemos melhorar a qualidade das imagens.
  • Todas as imagens, gráficos e tabelas devem ir acompanhados de um título e da fonte.
  • Todas as imagens, gráficos e tabelas devem ser colocados onde forem a aparecer no texto.
  • Evitar o uso de certas funções avançadas de Word, tais como:
    • Fontes ou fundos a cores.
    • Objetos de desenhos.
    • Tabelas automáticas de conteúdos e índices.
    • Autotexto ou campos.
    • Marcadores.
    • Destacados, relevos, sombras e outras funções complexas de Word.
    • Formulários.
  • As referências bibliográficas dentro do texto se farão em formato abreviado (Autor, Ano: pp.), ficando a referência completa para o listado final.
  • As notas ao pé serão de tipo esclarecedor ou ampliativo. Irão numeradas consecutivamente em cifras arábicas, se utilizará letra de tamaño 8 p. e justificativa completa. Se procurará reduzir ao mínimo necessário as notas ao pé.
  • Sempre que seja possível, inclua o DOI na bibliografía e indique a URL do texto citado se é de acesso aberto.
  • O estilo bibliográfico eleito por esta revista é o da APA (American Psychological Association).
  • A lista de referências bibliográficas se situará ao final, levará linha única, sem linhas em branco entre autores. As segundas e seguintes obras de cada autor se encabeçarão mediante roteiro comprido e o ano de publicação. Se utilizarão os seguintes formatos de citação:
    • Livro de um autor:

Toulmin, S. E. (1958). The Uses of Argument. Cambridge: Cambridge University Press.

    • Livro de vários autores:

Blanché, R y Dubucs, J. (1970). La logique et son histoire. París: Armand Colin.

    • Livro de vários autores:

Meerhoff, K. y Moisan, J. C. (eds.) (1997). Autour de Ramus: texte, théorie, commentaire. Québec: Nuit Blanche éditeur.

    • Artigo de revista:

Benoit, W. L. (1989). Attorney argumentation and Supreme Court opinions. Argumentation and Advocacy26(2), 22-38.

    • Capítulo de livro:

Eemeren, F. H. van y Grootendorst, R. (1993b). The history of the argumentum ad hominem since the seventeenth century. En: E. C. W. Krabbe, R. J. Dalitz y P. A. Smit (eds.), Empirical Logic and Public Debate. Essays in Honour of Else M. Barth (pp. 49-68, Ch. 4). Amsterdam/Atlanta: Rodopi.

    • Várias obras de um autor:

Walton, D. N. (1991). Begging the Question: Circular Reasoning as a Tactic of Argumentation. Nueva York: Greenwood.

—  (1999). One-Sided ArgumentsA Dialectical Analysis of Bias. Albany: State University of New York Press.

—  (2001). Enthymemes, common knowledge, and plausible inference. Philosophy and Rhetoric34(2), 93-112.

  • O autor poderá decidir, em seu caso, a divisão do tema de REFERÊNCIAS em várias seções com critérios de citação diversos aos gerais: e.g. incluir uma Webografía ou um listado de Fontes Primárias (antigas, medievais) cuja ordem não tem por que se ater ao ditado  nestas instruções.

Estas condições são imprescindíveis para que o Conselho Editorial das diversas revistas apoie seu envío aos avaliadores. Por respeito ao trabalho dos avaliadores, só se lhes enviarão artigos que cumpram com os formalismos mínimos exigíveis, além da qualidade dos conteúdos. Se espera dos autores que revisem seus textos seguindo as recomendações dos avaliadores. Se os autores não realizam ditas revisões e não apresentam alegações, o manuscrito será definitivamente rejeitado. O processo de revisão do manuscrito é rigoroso para asegurar  a qualidade do conteúdo publicado na revista.

Alguns artigos podem ter um conteúdo excelente, porém estar mal expressados em español. Pode ser o caso, por exemplo, de autores cuja língua materna não é o español. Cuando recebemos de um avaliador uma resposta negativa sobre o Critério 10, ‘Qualidade Comunicativa’, podemos solicitar ao autor a reescrita completa do artigo, independientemente da pontuação total que tenha obtido. Dispomos de um Serviço Editorial que pode ser contratado pelos autores para melhorar a expressão escrita dos mesmos. Pode solicitar um orçamento enviando um e-mail a publicaciones@gkacademics.com.

Serviços opcionais

Aqueles autores cujos artigos sejam aceitados para publicação em espanhol e português, poderão publicar seu artigo nas revistas em inglês mediante o Serviço de Tradução por só 0,10 EUR por palavra. Também oferecemos serviço de tradução de título, resumo e palavras chave para os artigos em espanhol e português. Pode solicitar um orçamento enviando um e-mail a publicaciones@gkacademics.com.

Entenda o processo de publicação

Consulte nossas diretrizes para autores, faça o download do arquivo modelo da revista e comprove que seu artigo atende a todos os requerimentos.

Se registre na plataforma informática OJS de revistas e posteriormente poderá realizar o envio de seu artigo.

Depois de receber seu artigo, o Conselho Editorial deverá avaliar o conteúdo e comprovar que se seguiram as diretrizes de publicação. Lembre-se que deve enviar seu artigo em um formato editável, quer dizer, não se aceita em pdf.

Uma vez avaliado na seleção preliminar, seu artigo será enviado a 2 revisores. Em caso de discrepancia poderá ser solicitada a intervenção de um terceiro revisor. Receberá um email informándo do resultado da avaliação.

Seu artigo poderá ser aceitado, rejeitado, ou podería se solicitar um reenvío com melhoras. Poderá ter acesso aos informes de avaliação na plataforma informática.

A avaliação por pares é gratuita se o artigo é rejeitado. Se o artigo é aprovado, o custo da gestão tem um valor de 125 EUR. Se você apresentou o artigo em um dos nossos congressos, o custo da gestão será somente de 45 EUR.

Uma vez paga a cota, começa a fase de diagramação. A equipe editorial revisará possíveis erratas e lhe solicitará que revise los parágrafos com problemas.

A partir deste ponto, não se poderão acrescentar nada ao texto entregado. Seu artigo será diagramado e as provas se lhe enviarão para a aprovação final antes de sua publicação.

Se lhe solicitará que revise o pdf para comprovar que não se produziu nenhum erro no processo de diagramação. Realize uma comprovação minuciosa e completa posto que esta será a versão que aparecerá publicada na revista.

Finalizada a correção de provas, o artigo está quase pronto para ser publicado. Só falta paginar e indexar. Realizadas ambas tarefas, o artigo será publicado na página web da revista correspondente.